Oficina capacita profissionais de saúde e educação sobre Transtorno do Espectro Autista (TEA)

Oficina capacita profissionais de saúde e educação sobre Transtorno do Espectro Autista (TEA)


Em alusão ao dia 02 de abril Dia Mundial da Conscientização do Autismo, o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) realizou na última segunda-feira (29), a II Oficina do TEA no auditório da Secretaria de Saúde. O objetivo foi capacitar e diminuir o estigma, aumentando a inclusão por meio da formação de recursos humanos, por meio de profissionais que atuam diretamente nos atendimentos como enfermeiros das UBS, equipe do CAPS, NASF e professores que atuam na sala de recursos.

O autismo faz parte de um grupo de desordens do cérebro chamado de transtorno invasivo do desenvolvimento (TID) – também conhecido como transtorno global do desenvolvimento (TGD). Para muitos, o autismo remete à imagem dos casos mais graves, mas há vários níveis dentro do espectro autista. Nos limites dessa variação, há desde casos com sérios comprometimentos do cérebro além de raros casos com diversas habilidades mentais, como a Síndrome de Asperger (um tipo leve de autismo) – atribuído inclusive a aos gênios Leonardo Da Vinci, Michelangelo, Mozart e Einstein.

Prefeitura de Campo Formoso - Cidade em Transformação

Tópicos: